retrospectiva ciência na mídia 2009: VI – fiasco

Dezembro 26, 2009 § 2 comentários

Dando sequência à série retrospectiva ciência na mídia 2009, esse post é dedicado ao grande fiasco científico do ano. O LHC esteve bem perto de conseguir seu espaço aqui, mas aos 15 minutos do segundo tempo garantiu presença em outro post da série. Sendo assim, acho que não resta dúvidas que o troféu de grande fiasco vai pra COP-15, embora a conferência já tenha passado por esta retrospectiva sob a forma de charges.

Cerimônia de abertura da COP-15 em 07/12/2009.

A celeuma dos e-mails hackeados e divulgados por alguns dos chamados “céticos do clima” às vésperas da COP-15 foi grande (episódio batizado de climagate). Isso só aumentou o medo do fiasco, que já era grande. Mas acho que poucos imaginaram que seria TÃO fiasco assim…

A conferência começou com grande expectativa e ampla cobertura midiática. Mereceu até um feito histórico na história do jornalismo: um mesmo editorial foi publicado em 56 jornais de 45 países e em 20 línguas distintas. Mas ao longo da quinzena do evento a coisa esfriou (longas filas de espera no frio glacial de Copenhague, péssima organização do evento denunciada por jornalistas) e esquentou muitas vezes (a entrada de muitos foi restringida e a polícia não foi nada simpática aos protestos, Schwarzenegger discursou e mandou um “I’ll be back” e a Monsanto ganhou o prêmio ‘A Sereia Furiosa’ por sabotar ações para enfrentar a mudança climática)  até que desandou de vez e terminou com resultado pífio (veja o “acordo” final).

Na hora em que nossa estrupícia ministra soltou aquela inacreditável frase, fiz coro ao resto do mundo achando que era mais um fiasco. Mas hoje, depois de pensar melhor, já a vejo como sábia. Dilma foi, de fato, a única que entendeu todo o espírito da COP-15 e por isso soltou: “o meio ambiente é uma ameaça ao desenvolvimento sustentável” (veja a declaração ao vivo e a cores, da boca da própria muy perspicaz Dilma aqui).

Brincadeiras à parte, recomendo a ótima análise de @abranches sobre o resultado final da conferência em COP15: o rescaldo do fracasso. Abaixo, um trechinho selecionado deste post:

O problema é que a COP15 nunca foi sobre a ciência da mudança climática, sempre foi sobre a política da mudança climática.

Do ponto de vista da ciência da mudança climática, Copenhague foi um grande fracasso. Da perspectiva da política da mudança climática, houve progresso.

retrospectiva ciência na mídia 2009: II – charge

Dezembro 20, 2009 § 2 comentários

Dando sequência à série retrospectiva ciência na mídia 2009, nesse post vamos de charges.

Pensei, pensei, pensei, e acho que as melhores charges são todas referentes à COP-15. Afinal, nada como um big fail para atiçar o lado humorístico; é sempre melhor rir que chorar…

É o que todo mundo se perguntou durante as 2 semanas de debates na COP15. E a pergunta continua válida... (via Jornal da Ciência - clique na imagem para vê-la em seu contexto original).

Nada como olhar um olhar histórico sobre os debates da COP-1 para entender a importância de a COP-16 ser um pouquinho melhor que essa retratada abaixo (via @oatila - clique na imagem para vê-la em seu contexto original).

Melhor resumo que vi sobre os debates que rolaram na COP-15 (via Pharyngula - clique na imagem para vê-la em seu contexto original).

E aí, sugestões de boas charges de 2009 sobre este ou outro tema?

transformando a eco-neura em cuidado com o ambiente

Agosto 22, 2009 § 4 comentários

Recentemente, defendi aqui que as campanhas de promoção de uma atitude mais sustentável  não surtem tanto efeito por não serem nada esclarecedoras para o cidadão. Isso sem contar o modismo que protagoniza muitas delas. Vejo algumas pessoas na onda eco-bags, eco-verde, eco-saudável, eco-qualquer-coisa (a esse respeito, veja ótimas e bem-humoradas avaliações no Discutindo Ecologia, em especial os posts Sobre ecologismo e moda, Quando o ambientalismo vira modismoJames Lovelock sobre histeria verde e “energia limpa”) ou então pessoas em onda nenhuma e a tal atitude de fato sustentável fica a ver navios…

Campanha do Instituto de Defesa do Consumidor e Vitae Civilis sobre o impacto dos hábiotos diários para a degradação ambiental.

Campanha do Instituto de Defesa do Consumidor e Vitae Civilis sobre o impacto dos hábitos diários para a degradação ambiental.

Nesse sentido, sem dúvida que um trabalho consistente de chamada da atenção para  a situação é importante (o vídeo História das Coisas – versão com legendas, do qual já falei um pouco aqui, é o que de melhor já vi nesse sentido). Mas ainda acho que  apresentar exemplos concretos sobre como fazer cálculos para alterar atitudes no dia-a-dia seria muito mais eficaz para estimular a reciclagem e redução do consumo desnecessário.

Disso há pouco por aí e destaco três bons exemplos. O portal Clima e Consumo reune informações bem práticas para cálculo da “pegada de carbono”, como a cartilha com 21 ações para você fazer a sua parte (clique na imagem acima para acessá-la). Mais prático ainda é a Rota da Reciclagem, site que permite buscar por endereço os postos de coleta seletiva de lixo existentes e classificados por tipo (cooperativas de catadores, comércio de material reciclável e ponto de entrega voluntária). Já o portal Lixo.com.br traz informações sobre coleta seletiva do lixo, reciclagem, gestão de resíduos e compostagem. E também abriga curiosidades e vídeos muito interessantes (incluindo o História das Coisas mencionado acima, mas aqui em versão dublada).

Deixo-os com meu favorito: trata-se da reportagem Litros de Luz, exibida no Globo Repórter de 25/05/2007, em que um mecânico lança a funcional e prática idéia de usar garrafas PET como lâmpadas.

Em tempo: A Folha de São Paulo fez recentemente uma matéria mostrando “o que o excesso de informações sobre o ‘ser ecologicamente correto’ causa nas pessoas”. Dica do @felipe_rocha.

daqui a pouco…

Agosto 5, 2009 § Deixe um comentário

Clima e desenvolvimento: a caminho de Copenhage

Expositor: Ed Miliband (ministro da Energia e Mudança Climática do Reino Unido)

Debatedores: José Goldemberg (Instituto de Energia e Eletrotécnica – USP) e Luiz Fernando Furlan (Fundação Amazônia Sustentável)

Coordenador: Jacques Marcovitch (Faculdade de Economia e Administração – USP)

Assista via web: transmissão em www.iptv.usp.br

Quando: hoje, das 10 às 12hs

Veja mais informações sobre o evento no site do Instituto de Estudos Avançados da USP.


Where Am I?

You are currently browsing entries tagged with clima e desenvolvimento at ciência na mídia.

%d bloggers like this: