carona no vestido

Fevereiro 27, 2015 § Deixe um comentário

Achei a desculpa perfeita para tirar a poeira do blog: vou pegar carona no vestido de cor ambígua (se não sabe do que estou falando, veja aqui já com resultado da enquete sobre o que as pessoas enxergam). Não, esta não será mais uma tentativa de explicar o que acontece do ponto de vista da ciência. Já há ótimas (e complementares) explicações aqui, aqui e aqui. Se ficar com preguiça de ler os textos, a resposta curta é: quem enxerga é o cérebro, não os olhos. E isso pode causar alguma confusão… Este vídeo tem um ótimo resumo (outro um pouco mais detalhado aqui):

Mas a real dúvida é: por que isso virou uma febre na internet? Só achei uma boa reflexão a respeito, no blog do psiquiatra Daniel Barros. Tive a mesma dúvida que ele e concordo com tudo o que ele colocou. Mas para mim a dúvida ainda persiste. Por que esse caso específico “bombou”? Há tantas figuras de ilusão visual, como a usada no vídeo acima para comparador (que é o mesmo caso desta outra) ou as várias outras apontadas nos textos linkados acima. Por que o efeito de manada se manifestou com essa história do vestido? O que tinha de especial aí para um monte de gente resolver prestar atenção nisso com ênfase bem diferente do que prestaria (se prestasse) atenção nos outros casos similares, também divulgados na internet? Ou seja, o que explica um viral na internet, qual a lógica disso, se houver alguma? Psicólogos e publicitários, por favor nos esclareçam!

Atualização: mais ilusões visuais de um jeito muito divertido! Vamos viralizá-las!

o paraíso virtual das ilustrações científicas

Julho 4, 2011 § 1 Comentário

Aproveitando a onda das ilustrações científicas aqui no blog, registro essa excelente coleção organizada por Lukas Large no Tumbler Scientific Illustration.

Há ilustrações históricas, como os registros neuronais feitos por Ramón y Cajal, descrições anatômicas de Leonardo da Vinci e algumas das belíssimas pranchas de Haeckel.

E também ilustrações mais recentes, como este lindo registro do sistema vascular de um embrião de galinha ou esta bela imagem de microscopia de fótons do cerebelo.

Isso sem mencionar o que abunda na coleção: um apanhado de raridades de livros franceses, alemães e muitos outros mais, como é o caso desse jardim de plantas carnívoras e dessa representação das células das glândulas salivares de uma cobra.

de encher os olhos!

Junho 28, 2011 § 2 comentários

Acabo de me deparar com essa coleção de fantásticas ilustrações de livros de biologia e psicologia e não podia deixar de compartilhar por aqui. Esta acima mostra as funções de várias partes do cérebro e foi produzida por Tom Lewis para o livro Life and Health (1972).

Algumas são meio psicodélicas, como a abaixo, de Phil Kirkland no livro Developmental Psychology Today (1971), que apresenta uma concepção artística da mente adolescente em ação.

Há um montão de outros belos trabalhos do tipo agrupados no 50Watts, cujo autor é um auto-declarado maníaco por ilustrações de livros. Há ilustrações em livros infantis (as mais incríveis!), em capas de livros literários e muito mais. Vale a viagem!

Encerro com coloridíssimos sapos de Rudolf Mates no livro checoeslovaco (na época ainda era junto…) A Forest Story (1929):

P.S. 1: Clique nas imagens para vê-las maiores, em seu contexto original e acompanhadas de outras imagens do mesmo livro de que foram extraídas;

P.S. 2: Tudo graças a um tuite do @Boraz, que sempre compartilha pérolas e vale muito ser seguido!

a ciência do amor

Junho 12, 2011 § Deixe um comentário

Perguntinha científica para o dia dos namorados: como a ciência explica o amor?

Descubra em um vídeo bem bacana do History Channel:

Para saber mais (agora em português):

retratos genéticos

Abril 15, 2011 § Deixe um comentário

Diversão com DNA – é assim que um jornal local apresentou a exposição do trabalho da artista venezuelana Nela Ochoa num museu estadounidense.

Em Genetic Portraits, a artista reuniu uma coleção de referências à genética humana e de plantas (parte ilustrada na foto acima). Uma das peças mais badaladas da coleção é a gigante escultura “viva” que habita o jardim do Frost Art Museum em Miami. Trata-se de uma alusão ao DNA de uma das palmeiras ameaçadas de extinção na Flórida:

A obra de Nela tem o corpo humano como ponto central e se vale de sequências genéticas, imagens médicas de tomografias, raios X etc reinterpretadas em pinturas, vídeos e instalações. Laboratorio, El cuerpo como altar e Gen ética são nomes de algumas de exposições que já realizou – precisa dizer mais?

A obra abaixo, MADA – gen vinculado con la tolerancia, pertence ao catálogo de Gen ética. Acho que é a minha preferida!

=====

Agradeço a dica do querido Rodrigo Garcez, que me inspirou a tirar a poeira do blog!

Where Am I?

You are currently browsing the curiosidades category at ciência na mídia.

%d bloggers like this: